Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

>O petróleo, ainda, é nosso?

Imagem
Acredito que nem tanto. Se fosse, realmente, não estaria o governo tão preocupado com o desabastecimento que pode vir a afetar o mercado interno de combustíveis. Uma noticia que me chamou atenção foi ler nos jornais que a Petrobrás está importando cerca de 100 mil barris diários de combustíveis, sendo que desse total, 75 mil se refere à gasolina. Achei estranha essa noticia, pois, no governo do ex-presidente Luiz Inácio lula da Silva, se fez um alvoroço danado dizendo que o País havia adquirido a autossuficiência na produção de petróleo, assim como foi também alardeada o pagamento da divida externa.
Das duas uma, ou a Petrobrás nunca alcançou tal façanha e o governo, mentiu, para ficar de bem com o povão e dizia que, nunca mais precisávamos nos preocupar com o famoso ouro negro, afinal de contas estava se cumprindo a profecia da campanha feita para criação da empresa por Getúlio Vargas que dizia: “O petróleo é nosso”. Só que os governantes que vieram depois fizeram da empresa um belo c…

>120 anos "sem" escravidão no Brasil

Imagem
                                          (Este post, na verdade, foi publicado em maio de 2008, mas por ser um tema recorrente nos meios de comunicação estou republicando o mesmo).

Já se passaram mais de um Século da libertação dos escravos no Brasil. Quando, em 13 de maio de 1888, a Princesa Izabel assinava a Lei Áurea, que abolia a escravatura. Passado todo esse tempo os negros continuam discriminados muitas vezes veladamente, por mais que se diga o contrario.
A discriminação do negro ocorre de todas as formas; muitas vezes devido a cor da pele são vistos, no mínimo como suspeitos, mesmo sendo inocentes. Geralmente os negros são os primeiros a serem parados nas blitz da polícia. No país não adianta promulgar leis que torna crime a discriminação racial. Lei de cotas para as universidades pagas pelo governo. O negro quer ser respeitado, ter os mesmos direitos dos brancos e as mesmas oportunidades. Muitos, aproveitando dessa abertura estão se declarando que tem sangue negro correndo na…

>Uma população com medo

Imagem
Pelo jeito nada mudou, o povo continua vivendo em pânico nas ruas. O comercio fechou as portas em vários bairros dos municípios vizinhos de Campinas, Sumaré e Hortolândia na data de ontem,  devido à boataria que se espalhou nas redes sociais como rastilho de pólvora, dando conta  de que haveria retaliação por parte de uma organização criminosa que agem dentro e fora dos presídios paulista.
A polêmica está formada, no ultimo domingo o programa Fantástico da Rede Globo exibiu um documentos onde consta um alerta dos serviços de inteligência da polícia civil, outro da polícia federal e mais um do ministério Público, que fazia um alerta sobre os fatos que estão ocorrendo.
Pior de tudo isso é que procurados os responsáveis das policias civil e militar, nenhum assume o recebimento de tal documento. Isso demonstra a desorganização das instituições. O delegado-geral da Polícia Civil do Estado de São Paulo, marcos Carneiro de Lima, negou que tenha conhecimento de tal documento, o mesmo foi d…

> SP Aceita ajuda federal contra a violência

Imagem
Arquivo pessoal
Noticias dão conta que 89 policiais, a maioria militares, foram mortos no estado de São Paulo desde o inicio do ano, em uma guerra não declarada por uma facção criminosa que agem dentro e fora dos presídios e penitenciarias paulista, com ramificações até em outros estados da federação. Apesar de saber e conhecer o problema as autoridades responsáveis pela segurança pública no Estado não assume o que está ocorrendo e sempre sai pela tangente quando interpelados.
Enquanto isso os policiais, principalmente, militares estão sendo caçados e mortos numa total inversão de valores.  Antigamente era os policiais que saiam nas ruas à procura dos bandidos, (fiz muito isso, fui da área por dez anos, porém naquela época anos 70/80, éramos respeitados) hoje é o contrario, os bandidos saem em bando a procuram de policiais, não para prendê-los, mas sim para executa-los a sangue frio.
Mesmo assim o comandante atual da policia militar paulista coronel Roberval Ferreira França, disse q…