>Os vândalos e as mentiras dos nossos políticos

Uma folheada no jornal  de hoje fiquei indignado com algumas noticias. Uma delas dava conta do ataque de vândalos a dez ônibus do transporte público no dia 1º de maio, Dia do Trabalho, em Campinas, SP.  Pela manchete já se podia ter uma ideia do que se tratava “A celebração da ignorância”. Isso já virou rotina essas ações violentas dos vândalos nesse tipo de evento em várias partes do Brasil. Dessa vez o local foi a Praça João Amazonas, no bairro Campo Grande, que contou com a presença do cantor Belo.

O triste de tudo isso é o fato de ninguém ser punido enquanto a população é que paga o preço dessa desordem. Segundo a Transurc, (Associação das Empresas de Transporte de Campinas) os ataques começaram por volta das 18:00 horas se estendendo até a 01:00 da madrugada. Mesmo com tudo isso não se tem noticia de ninguém preso pela polícia.  Virou terra de ninguém.

Outras notícias trás o governador do Estado, Geraldo Alckmin, fingindo que está dirigindo uma retro escavadeira para inauguração de obras na cidade. Como é ano eleitoral não poderia deixar de prometer, através do Secretário de Transportes, Jurandir Fernandes, várias outras obras e uma das promessas é a construção do corredor do trem regional. Pelo projeto, o trecho inicia em Americana passando por Campinas, Jundiaí até São Paulo.

Já que estou falando em trem, lembra-se do Trem Bala?  Ou TAV (Trem de Alta Velocidade) que usaram para eleger Dilma Rousseff? Na época chamei o de talvez agora vai”, mas não foi. Ninguém houve mais falar nisso. Todos se calaram, inclusive o governo. O assunto do momento é o prejuízo que a Petrobras teve com a compra de uma refinaria ‘falida’ nos Estados Unidos. E o povo brasileiro vai engolindo cada mentira dos nossos políticos.

               (a)    J Araújo 

Comentários

  1. Estamos vivendo dias terríveis, vivemos o que eu chamo era das chacinas, era do vandalismo, era corrupção etc.. Temos dois grupos que nos levam ao NADA, o grupo de mascarados que só pensam em destruir (Sininho) e outros... como alguém pode filosofar construir uma sociedade melhor destruindo, ônibus, lixeiras, patrimônio público, particular etccc. não dá para entender... depois não assumem o seus atos, são covardes, uma pena que muitos jovens se deixam serem levados por essa crença que eu chamo de "NADARISMO" o nada não constrói nada... O outro grupo são os nossos políticos, vandalos do dinheiro público, e suas modalidades, corrupções de prioridade..(não há dinheiro para a saúde mas há para shows) para terminar temos o primeiro grupo o dos covardes... o outro grupo mais antigo os dos caras de pau. J.Araújo forte abraço, estou atento!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários ofensivos ou considerados preconceituosos não serão publicados. Este espaço presa pelo respeito às diversidades, porém se mantém o direito de publicar ou não opiniões que venham a ofender a honra de qualquer pessoa que seja. De acordo com interpretações legais o administrador desse blog responde solidariamente pelos comentários aqui publicados.

Postagens mais visitadas deste blog

>Sonho de garimpo

>Fatos sobre o ano em que nasci

>O medo causado pela inteligência